quinta-feira, 8 de Janeiro de 2009

Leis a que são submetidas as mulheres muculmanas

As mulheres muçulmanas têm mais deveres e regras do que direitos. As seguintes regras apresentadas são algumas a que as mulheres têm de obedecer, em geral, nos países muçulmanos:

-É absolutamente proibido às mulheres qualquer tipo de trabalho fora de casa, incluindo professoras, médicas, enfermeiras, engenheiras, etc;
-É proibido às mulheres andar nas ruas sem a companhia de um “nmahram” (pai, irmão ou marido);
-É proibido falar com vendedores homens;
-É proibido ser tratada por médicos homens, mesmo que em risco de vida;
-É proibido o estudo em escolas, universidades ou qualquer outra instituição educacional;
-É obrigatório o uso do véu completo (“burca”) que cobre a mulher dos pés à cabeça;
-É permitido chicotear, bater ou agredir verbalmente as mulheres que não usarem as roupas adequadas (“burca”) ou que desobedeçam a uma ordem talibã;
-É permitido chicotear mulheres em público se não estiverem com os calcanhares cobertos;
-É permitido atirar pedras publicamente a mulheres que tenham tido sexo fora do casamento, ou que sejam suspeitas de tal;
-É proibido qualquer tipo de maquilhagem (foram cortados os dedos a muitas mulheres por pintarem as unhas);
-É proibido falar ou apertar as mãos de estranhos;
-É proibido à mulher rir alto (nenhum estranho pode sequer ouvir a voz da mulher);
-É proibido usar saltos altos que possam produzir sons enquanto andam, já que nenhum homem pode ouvir os passos de uma mulher;
-A mulher não pode usar táxi sem a companhia do marido, pai ou irmão;

-É proibida a presença de mulheres em rádios, televisão ou qualquer outro meio de comunicação;
-É proibido andar de bicicleta ou motocicleta, mesmo com seus “maharams”;
-É proibido o uso de roupas que sejam coloridas, ou seja, “que tenham cores sexualmente atraentes”;
-Os transportes públicos são divididos em dois tipos, para homens e mulheres, pois os dois não podem viajar no mesmo;
-É proibida a participação de mulheres em festividades;
-É proibido o uso de calças compridas mesmo debaixo do véu;
-As mulheres estão proibidas de lavar roupas nos rios ou locais públicos;
-As mulheres não se podem deixar fotografar ou filmar;
-Todos os lugares com a palavra “mulher” devem substitui-la, por exemplo: O Jardim da Mulher deve passar a chamar Jardim da Primavera;
-Fotografias de mulheres não podem ser impressas em jornais, livros ou revistas ou penduradas em casas e lojas;
-As mulheres são proibidas de aparecer nas varandas das suas casas;
-O testemunho de uma mulher vale metade do testemunho masculino;
-Todas as janelas devem ser pintadas de modo a que as mulheres não sejam vistas dentro de casa por quem estiver fora;
-É proibido às mulheres cantar;
-Os alfaiates são proibidos de costurar roupas para mulheres;
-É completamente proibido assistir a filmes, televisão, ou vídeo;
-As mulheres são proibidas de usar as casas de banho públicas (apesar da maioria não ter casa de banho em casa).

69 comentários:

  1. Isso é um absurdo !!!
    Resumindo:Tudo que as mulheres podem fazer é simlismente repirar , ou talvez nem isso !!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. cada um tem sua crença...
      pra vc e outros pode ser um absurdo para "elas" nao!!

      Eliminar
    2. Enquanto la elas não podem estudar agora você vem e escreve **simlismente**
      é Injusto não é mesmo?
      enquanto quem quer não pode
      as que podem são umas ignorantes até mesmo pior do que elas que não estudam.

      Eliminar
    3. EU EM , AINDA BEM QUE O MEU BRASIL É MARAVILHOSO NÃO TEM ESSES LOUCOS

      Eliminar
  2. Concordo!
    elas nem podem TOMAR BANHO!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se você concorda, vá morar na terra deles, junto com eles.
      Evolui querido, estamos no século XXI!

      Eliminar
  3. Que coisa mais rídicula! Quem são esses idiotas e ignorantes que fazem essas leis!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. pessoas que 'acham' que sao donos delas

      Eliminar
  4. Rogério Aparecido Clemente26 de Junho de 2010 às 10:23

    Nunca li tanta besteira e tanta distorção. No máximo vão convencer mulheres ocidentais que desconhecem a realidade, pq muçulmanas mesmo, jamais.

    - Uma muçulmana foi hostilizada numa padaria no RJ por um ex-delegado, que foi preso. Como que ela falou com o padeiro? Ela aparece no vídeo de rosto descoberto.

    - Nas universidades americanas não é incomum ver mulheres de véu. E Benazir Bhutto tinha formação universitária. E usava um véu simples, sem amarra ou presilha.

    - A rainha Rania da Jordania não usa véu e é muçulmana.

    - Da maquilhagem (ou maquilagem) foi o mais hilário? Na novela O Clone as muçulmanas pintavam os olhos. Tá certo que novela é ficção, mas em boa parte a cultura foi retratada. Usava-se um pincel que passa dentro do olho e puxa no canto do olho. Além da maquilagem usada nos casamentos.

    - Proibido mulher em meios de comunicação? Assistam o filme 10 de Abbas Kiarostami. E vcs devem achar que ninguém assiste Al Jazeera.

    - Não pode lavar roupa no rio? Onde? No Rio de Janeiro, Rio Negro que encontra o Solimões, Rio Grande do Sul? Qual rio? Vejam filmes iranianos.

    - Não podem mostrar fotos de mulheres muçulmanas? Quer ver o álbum das minhas amigas do orkut?

    - Mulher não podem cantar? Será que é por isso que fazem aquele som tipo passarinho - chamado zaruta? Será que ninguém viu no Clone a trilha sonora com músicas que tem mulher cantando? Recomendo Samira Said e Latifa. E as músicas de dança do ventre? Tem academia de dança do ventre no Brasil inteiro e elas dançam com músicas tocadas por mulé?

    - Proibido ver filmes, televisão ou vídeo? Conversei outro dia com uma muçulmana sobre o filme Avatar e ela achou ótimo.

    Quem foi o louco que escreveu esse blog?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A maioria das coisas que vc citou fazem parte da cultura do Marrocos , já essas coisas acontecem mais no Afeganistão lá é extremamente diferente devido o talibã ,sairam diversas reportagens assim em varias revistas respeitadas ok, tipo na Veja e na Epoca ,No paquistão tem leis desagradavés tbm e la as mulheres não são obrigadas a usarem burca ou véu como no Afeganistão, nem tudo que se vê na midia se pode acreditar , a midia é manipuladora , e você ta caindo nessa, não fique se baseado em novelas . By ;E.Elissa

      Eliminar
    2. Concordo, sou muçulmana, não uso véu, uso maquiagem e estudo. Quem escreveu isso tem que estudar mais sobre o islamismo, estão falando sobre um regime político o Talibã, não sobre a religião em si.

      Eliminar
    3. Nosa quanta Besteira sendo dita sou mulcumana e Noe Nada disso isso sao Pessoas Pobres de conhecimento dizendo apenas oque a midia mostra vak se atualizar antes de Publicar agum que nao disrespeito a vcs , a Mulher Mulcumana , vota, trabalha, estuda, anda nas ruas Fazen suasPropias compras dando o devido respeito ao marido que seria o ideal que todas fizese ,

      Eliminar
  5. Isso tudo é uma imoralidade...
    por isso que o SENHOR não voltou ainda, pois falta libertar esses cativos de suas leis ipöcritas...

    ResponderEliminar
  6. E uma palhaçada mesmo estes costumes deviamos fazer uma campanha mundial ridicularizando estes imbecis que se acham os tais isso e só medo de leva guampa por isso escondem as mulheres não tem nada a ver com religião

    ResponderEliminar
  7. quem vive no lugar deste !

    ResponderEliminar
  8. ohh Rogério Aparecido Clemente , uma cena : estas regras são lá ! ou seja vai à Islamia para saberes como é que é
    estou a fazer um trabalho sobre isto e este blog tem toda a razao no que diz , nada disto é falso !!

    ResponderEliminar
  9. eu sou fascinada pela cultura arabe, já li imensos livros de historias veridicas de mulheres que resolvem relatar as suas tristes vidas, escondem-se naturalmente atras de um veu.sao relatos emocionantes que de felicidade não demonstram nada.são factos reais de torturas psicologicas,fisicas... nao me parece que essas mulheres, qualquer uma delas, desejasse viver algo assim, em nome de deus nenhum.Porque será que as leis são apenas favoraveis aos homens? será Deus assim tão insensivel ao ponto de tal descriminação?nao somos todos nós feitos da mesma materia, nao sentiremos todos nós uma dor igual? que as leis existem, eu sei que existem... mas por favor em nome de que deus?

    ResponderEliminar
  10. Quanta falta de informacao e distorcao da verdade. As pessoas deveriam se informar melhor antes de sair por ai divulgando inverdades. Isso nao beneficia ninguem e so aumenta a ignorancia e o preconceito.

    ResponderEliminar
  11. nossa que coisa horrível contra nós mulheres ! fiquei chocada por que a mulher não pode cantar ! não podem trabalhar e foram cortados os dedos das unhas so por que tinham pitando de esmaltes !! que absurdo ! ainda bem que eu moro no brasil !! e aqui não tem essas palhaçadas !! isso e falta do que inteligência !! faala sério !

    ResponderEliminar
  12. Este blog é uma ode à ignorância.
    Essas leis "muçulmanas" para a mulheres que vc colocou aqui são falsas e colocadas de uma forma completamente absurda.
    Nem sei por onde começar.
    Acho que estas a confudir a religião em sim, com alguns alucinados que se dizem muçulmanos.
    Tb tens critãos a dar tareias de meia-noite as mulheres e a trata-las com lixo e não é por isso que se cola o Cristianismo a esses loucos.

    ResponderEliminar
  13. Nunca percebi porque os muçulmanos dizem sempre que estas leis são mentira, quando todos os dias aparecem casos reais, como o da mulher sudanesa que foi chicoteada por ter usado calças ou da iraniana sentenciada à morte por apredejamento por suposto adulterio. Situações causadas não por alucinados, mas sim por leis impostas em paises muçulmanos. Serão estes casos invençoes cristãs com o intuito de manchar o islao? Embora hajam não muçulmanos a baterem nas mulheres, a lei não muçulmana incrimina esses criminosos. Estranho é, que em casos como os que referi em cima, serem sempre os "cristãos" a darem voz a esses crimes contra a humanidade ao contrario das vozes muçulmanas que aqui dizem que essas leis sao ridiculas. Essas, nunca se ouvem.

    E embora haja ja um declinio dessas leis bizarras em certos paises muçulmanos, em que a mulher começa a ter um papel importante na sociedade, isso não implica que essas leis estejam extintas. É o mesmo que eu dizer que se na minha casa ninguem passa fome, então, não ha ja fome no mundo.

    Se reparerem na historia da humanidade, a maioria dos paises so se começaram a desenvolver em massa apartir do momento em que as mulheres começaram a ter uma vida activa na sociedade.
    Mesmo paises que foram anteriormente devastados em guerras, como o japai ou a alemanha, que é hoje um pais importantissimo no mundo actual, nunca teria renascido das cinzas se não o tivessem feito em conjunto, homens e mulheres.

    A religiao nunca trouxe nada de bom desde os primordios da humanidade, pelo contrario, apenas trouxe guerras, devastação, sofrimento. É estranho como é ainda hoje, necessário a tanta gente precisar de acreditar em algo não palpavel para poderem continuar com as suas vidas.

    Felizmente, cada vez mais a religião perde força e devotos e cada vez mais, estamos a perceber que é em nós que devemos acreditar e que é em conjunto que se evolui e não excluindo outros do meio. Basta olhar o ocidente que cada vez mais é menos religioso e cada vez mais há uma igualdade em todos os termos em relação ao homem e à mulher e é onde temos todas as condiçoes minimas para viver com dignidade, informação, avanço tecnologico, saude, bem estar, esperança de vida alta, valor pela vida e sobretudo, liberdade para fazermos o que nos dá na cabeça, com bom senso claro. :)

    ResponderEliminar
  14. Eu sou estudante universitária e estou bastante chocada com este blog!

    É verdade que de facto existem muitas atrocidades contra as mulheres no seio da religião islmâmica (como em qualquer outra religião/comunidade/organização.

    Mas acho que este blog se esquece que o islão é uma religião complexa com várias vertentes em que muitas delas não têm regras tão extremas como estas!

    E infelizmente o papel da mulher hoje é de facto um produto do chauvinismo do homem ao longo dos séculos... pois no corão e nas sunnas a mulher é considerada igual ao homem facto verificado pela primeira em qualquer religião sendo que os outros textos/livros sagrados religiosos culpam sempre a mulher de qualquer coisa!

    Acho que a minha conclusão é... este assunto é bastante polémico e como mulher também me enerva saber que ainda há muita atrocidade feita contra mulheres no islão... contudo não nos podemos esquecer que a comunidade islmâmica é vasta, com várias interpretações e vertentes e que cada caso é um caso... pois não podemos negar a verdade mas também não convém cair no exagero e no preconceito!

    ResponderEliminar
  15. Não sou muçulmana nas essa leis são mentira! Conheço a cultura, porque sou uma amante dessa cultura.
    As mulheres podem ter um trabalho fora, e como o marido tem a obrigaão de sustentá-las todo o direito do trabalho dela, é DELA!!
    O cinema oriental é muuito apreciado.
    As mulheres aprendem dança e música com suas mães. Gente! Isso é mentira!
    O véu é usado fora de casa para proteger as mulheres,para que elas não sejam perseguidar ou assediadas. De baixo da burca, elas podem pintar as unhas, usar maquiagem, e usam inclusive lingeries, meu povo! Fala sério, o dono do blog é maluco.

    ResponderEliminar
  16. Que loucura!!!!!Isso não se chama de vida,se chama vegetar.Os homens de lá morrem de medo de um belo chifre na testa isso sim,bando de idiotas,elas deviam é fugir pro brasil...aqui somos mais livres e como somos.Apesar de ter uns homens idiotas assim pelo brasil.E viva a mulherada kkkkkkkkkkk.A mulher tem o direito de tudo na vida.Essa lei é a lei do cão.O pior que quem inventou essa lei deve ser homem e saiu do ventre de uma mulher..........

    ResponderEliminar
  17. PELAS FOTOS QUE VI AGORA MUITAS MULHERES ESTAVAM COM OS OLHOS PINTADOS,REALMENTE DEVE HAVER MUITA INFORMAÇÃO ERRADA NISSO AÍ ENTÃO.CONCORDO COM VC ALANABASTOS.SE ELAS NÃO PODEM SER PROFESSORAS NEM MEDICAS E ENFERMEIRAS COMO ENTÃO SÃO ATENDIDAS EM HOSPITAIS E ESCOLAS???????????

    ResponderEliminar
  18. Já não sei se isto é verdade ou mentira mas acho um pouco exagerado o que o dono ou dona do blog escreveu . Cortar os dedos só por pintar as unhas, não se pode cantar vi agora no google uma fotos em que elas tinham maquilhagem e vi um video no youtube que estavam a apedrejar mulheres po tanto não sei. Mas se quem escreveu isto no blog está a dizer a verdade este mundo está todo maluco

    ResponderEliminar
  19. Não sou muçulmana, mas acho que este blog "nada a ver" só contribui p/ aumentar a intolerância e o preconceito, que já passaram da conta faz tempo. Basta pesquisar, pra saber que essas leis absurdas, são inverdades. O machismo e a iferiorização da mulher, não podemos negar,está presente no Islã, mas não só aí, está em todas as partes do mundo e em todas as religiões, inclusive no Cristianismo.Ou será que ninguém lembra que as mulheres cristãs também foram submetidas a todo tipo de regras absusrdas durante séculos? O que dizer das milheres de mulheres que foram queimadas na fogueira, pelos padres católicos da Santa Inquisição, acusadas de "bruxaria"?
    É preciso parar, pensar e pesquisar ante de sair espalhando essas asneiras por aí...

    ResponderEliminar
  20. isto é tudo mentira, estas leis só foram aplicadas quando os talibãs governavam no Afeganistão.

    ResponderEliminar
  21. Bom, sou amigo de um muçulmano e segundo ele o muçulmano não pode ouvir música, essa novela o clone tem muita coisa que é fake, porém a mulher é obrigada a usar o véu quando sai a rua, não pode ouvir música e o marido tem o direito de bater na esposa, a mulher só pode trabalhar se o marido consentir, se ele não consentir ela não trabalha, a mulher tem que ser pura, senão pode levar 80 chibatadas, e ainda tem alguma sfamílias uqe querem ver a prova, ou seja, o sangue. Aqui no Brasil são uns que se dizem muçulmanos, mas não cumprem ao pé da letra, quero ver alguém morar lá na Argélia, no Marrocos. Outra coisa, se a mulher tiver um homem e ter um filho com ele e não casar, a criança não tem direito a certidão de nascimento, não tem direito a estudar, não tem direito a nada, oficilamente essa criança não existe, a criança será discriminada. O homem pode ter 4 esposas, portanto se a primeira concordar e se ele tiver condições de sustentar todas,se ele dá uma bala a uma terá que dá a todas, enfim.

    ResponderEliminar
  22. A mulher é submissa sempre, o islã significa submissão, a mulher praticamente não tem direitos, o único direito é casar com alguém que queira, contanto que seja muçulmano, e só aceitar as outras esposas se quiser, infelizmente não acredito em uma religião, onde se apedreja mulheres, chibatadas, olhem os vídeos do you tube, que o homem pode sim bater na mulher eles tem esse direito, digo isso porque foi o meu próprio amigo que me enviou esses vídeos, tenho certeza que Deus não aprova a violência, Deus é sinõnimo de amor de perdão de paz, podem olhar que tem uns no you tube que são loucos. Se fosse aqui eles seriam presos pela lei Maria da Penha

    ResponderEliminar
  23. Essas são leis do afeganistão, leis politicas empregadas pelo Talibã, não são leis do Islã!!!!
    em outros paises árabes, as mulheres possuem muita liberdade de expressão.

    ResponderEliminar
  24. Quem fez esse "negocio" deve estar brincando por que uma mulher que dança a dança do ventre já apareceu em rádios e jornais o nome dela é até Gisele Bomentre e ela é muito famosa na Líbia e a mulher islamica tem direitos sim e ainda essa mulher ou esse homem idiota fala merda no blog . As mulheres islamicas só não tem 1 grau de direito mas se ela arranjar 4 testemunhas ela se divorceia e eu já vi que os homens adúlteros também tomam chicotadas sua burra(seu burro)tanto faz elas podem maquear sim os olhos e elas não usam so burca e ainda me colaca esse slide idiota e os que seguem Wahabismo que não podem ouvir música,dançar, estudar literatura .E a novela o clone os personagens até não são muitos rigorosos só aquele tal do TIO ABDUL que é rigoroso .Ah meu deus

    ResponderEliminar
  25. kkkkkkkkkk gente, o dono deste blog é uma das pessoas mais deisnformadas que já vi na vida ! Quanto absurdo escrito acima !!! Só gente ignorante, com menos informação ainda do que ele mesmo para acreditar !
    Eu sou muçulmana, deixei o cristianismo para seguir o Islam e amooooooooooooooo ser muçulmana! Tem tanto absurdo escrito acima que se eu for rebater tudo ficarei 1 dia inteiro aqui. Quem tiver interesse em saber a verdade, acessem esse ótimo site explicando sobre isso:
    http://www.sbmrj.org.br/Mulheres-condic.htm

    ResponderEliminar
  26. mas que coisa ridicula, o dono desse blog só pode ser mais um maluco, relmente doido até quero me converter ao islan, mas nessas condições... jamais desisto, fiquei bastante triste com isso, muito chocada!!!!!!

    ResponderEliminar
  27. Anónimo disse...
    Boa tarde a todos!

    Gostaria que olhassem se possivel este site para depois tirarem suas conclusões.

    http://www.religiaodedeus.net/papel_da_mulher_no_islam.htm

    http://www.sbmrj.org.br/Mulheres-condic.htm

    Sou muçulmana e não concordo com o que foi colocado aqui...me informem fontes de onde tiraram os deveres das mulheres no islam??? As UNICAS fontes aceitas no Islam são o Alcorão (Livro sagrado do Islamismo) e a Sunnah (Ditos do Profeta Muhammad (saws))

    Fico no aguardo de sua resposta!!
    Desde já agradeço a atenção de todos!
    Salam (PAZ)

    ResponderEliminar
  28. infelizmente existes pessoas que deturpam o alcorão e os ensinamentos que nosso DEUS "Aláh" deixou para as mulheres como modo de protege-las e honra-lás como de deve ser.

    ResponderEliminar
  29. como que eles não tem um pouco de compaixão,por essas mulheres elas são tratadas como ´´escravas´´,desculpa errei escravas é muito melhores do que ser uma muçulmana.Cara so de ver como existe pessoa no mundo ruim é empresionante.Em primeiro lugar as mulheres muçulmanas podem estudar e trabalhar

    ResponderEliminar
  30. graças a DEUS sou brasileira e vivo no brasil jamais aceitaria ser obedidiente a marido.

    ResponderEliminar
  31. concordo a mulher deve se resguardar mesmo...

    ResponderEliminar
  32. concordo em tudo, a mulher deve se resguaradar mesmo,e se submeter totalmente ao marido e nunca expor sua imagem....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Seu comentario tem nome, chama-se maxismo!!! Como vc se sentiria se fosse o contraio? Se vc que tivesse que se submeter a uma mulher? Desprezar é facil, o dificil é ser despresado! Voce quer uma escrava ou uma esposa? Viver trancada em casa, escondida debaixo de roupas, e ainda se submetendo ao marido??? Isso nao é vida é castigo, nao desejo nem a voce nem a pior de todas as criaturas. Seu pensamento é totalmente inaceitavel de minha parte, nao somente porque sou mulher, mas em primeiro lugar por questao de humanidade mesmo!

      Eliminar
  33. Essa é as leis deles como a nossa ela deve ser respeitada.
    Eu ñ concordo com tudo isso q a mulher passa, porem respeito a opinião delas pq desde de pequena aprenderam q um dia ia ser assim.
    +Graçaas a Deus sou Brasileira e ñ tenho q conviver com esses preconceitos.

    ResponderEliminar
  34. ENTÃO TANTA FRESCURA, E SÃO EXAMINADAS POR UM GINECOLOGISTA HOMEM...

    ResponderEliminar
  35. Mas como vcs gostam de exagerar, 90% do que foi escrito é tudo mentira, antes de escrever algo se baseie em factos e nao fanatasie tanto.

    ResponderEliminar
  36. Nunca li tanta besteira num só lugar. É, realmente, perigoso ler tudo que está na internet.
    Não sou muçulmana, mas tenho estudado muito sobre o islamismo e, fico indignada quando leio algo assim.
    Procure ler e aprender. Criticar sem conhecer é fácil.

    ResponderEliminar
  37. Eu vi esta lista de proibições e os devidos comentários, apesar de eu ser muçulmano queria que se pudesse me facultasse os versiculos do Alcorão que emitem estas proibições por favor, obrigado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. EXATAMENTE, EU SOU MUÇULMANA E TENHO UM CURAN TRADUZIDO E NUNCA VI NADA DISSO, LOGO SE É VERDADE QUEM DISSE ISSO? SÓ É VÁLIDO SE TIVER NO CURAN OU SE ESTAR NUM DITO DO PROFETA MUHAMAD (E SÓ OS QUE TEM BOAS FONTES)

      Eliminar
    2. sim as Pessoas Acredta no que quer e Falam Oque quer Mas antes de falar elles podiam se informa da verdadee a verdade esta No al quran , Povo sem sabedorias

      Eliminar
  38. BOM, EU NÃO SOU MUÇULMANA, E É A PRIMEIRA VEZ QUE ME INTERESSO EM SABER SOBRE AS LEIS, MÁS REALMENTE EU ACHO AS LEIS QUE COLOCARAM NESSE BLOG MEIO EXAGERADAS, MESMO NOVELA SENDO FICÇÃO, PASSAM REPORTAGENS DE MULHERES QUE DANÇAM MUITO,E CANTAM EM ALGUMAS COMEMORAÇÕES ESTÃO SEMPRE BEM ALEGRES, E NINGUÉM TEM O DIREITO DE CRITICAR, CADA UM ACREDITA NO QUE VIVE DESDE QUE NASCEU, QUALQUER PESSOA QUE TENHA NASCIDO LÁ, VAI SEGUIR AS LEIS DE LÁ, ENFIM EU Ñ VEJO NADA DE ERRADO SE EU VEJO SÃO POUCOS, ELAS SE MAQUEIAM SIM, USAM ROUPAS LINDAS, E TEM O DIREITO DE FICAR SEM O VÉU DENTRO DE CASA, E CADA UM SABE OQ FAZ SE ELAS NÃO ESTÃO FELIZES FUGIRIAM PARA OUTRO PAIS PROXIMO ANTES DE CASAR, E ELAS SABEM SE VALORIZAR, MESMO COM ALGUNS ABSURDOS, NADA D+, CADA UM COM SUA CRENÇA, SÓ SABEREMOS OQ É REALMENTE CERTO E ERRADO, NO DIA DO JUÍZO FINAL, AS VEZES AS REGRAS DO ALCORÃO ESTÃO CERTAS AOS OLHOS DE DEUS OU NÃO, MAIS NÃO É NEM UM SER HUMANO QUE PODE FALAR ISSO.
    BY. LETÍCIA GOULART

    ResponderEliminar
  39. QUEM CRIOU ESTE BLOG É UM ALDRABÃO, NÃO SABE NADA SOBRE O ISLAMISMO!!!!!!!!! E ISTO SÓ VEM A PROVAR QUE OS CRISTÃOS MENTEM, DIFAMAM E FAZEM TUDO PARA DESTRUIR A IMAGEM DO ISLAMISMO, POIS ESTA É A RELIGIÃO VERDADEIRA!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A religião verdadeira é a da paz, da compreensão, do respeito ao ser humano, da caridade, do amor, da igualdade. Todos nós somos criaturas de Deus.

      Eliminar
    2. então porque estas mulheres são levadas ao mau estrato? usam as burcas para esconder tudo e que so podem ter um homem ao contrario da homem que pode ter até quatro? que criam a mulher como um objeto do nada? opa ganhem vida e vejam a realidade

      Eliminar
  40. É um absurdo,usarem o nome do profeta Maomé para este tipo de coisa,quando ele escreveu o Alcorão os principios eram de igualdade. O ditos sabios que mudaram toda concepção da religião,com proibições as mulheres,negando assim seus direitos.Muita gente que não conhecem a base do Islamismo.Comentem estes erros.

    ResponderEliminar
  41. Que absurdo sinto pena que em Pleno SÉCULO 21 ainda há exclusão da Mulher para as mulçunas aqui no Brasil ou em qualquer parte do Pais podemos estudar,andar maquiada,roupas curtas lá não as mulheres sofrem de mais e concerteza choran escondidas sabe lá Deus até pra cantar em sua casa não pode. Respeito a Religião claro mais pra mim é muito Triste ver essas mulheres serem maltradas assim desse jeito

    ResponderEliminar
  42. nossa não queria ser essas mulheres , se fosse faria a diferença !!! |-[

    ResponderEliminar
  43. concordo com tudo;a mulher deve saber seu lugar, e saber que deve todo respeito e devoçao ao marido,em tudo, pra vcs devem ser um absurdo, mas para nos e normal, porq vivemos ao julgo da lei e abaixo do julgo das maos de nossos maridos.fomos criadas assim,e aprendemosas leis conforme o ancorao o livro sagrado, se quisermos viver verdadeiramente.os rotos tapados corpos escondididos ,cabeça baixa e uma lei maior e mas superior acima da palavra mulher.e a nossa obdiencia nossa crença as leis de um pais, as nos restam as lagrimas somente essa e a nossa lei,lei para nos mulheres de la.....

    ResponderEliminar
  44. amiga entendo conte com as minhas oraçoes, e uma breve e novasmudanças para seu pais.

    ResponderEliminar
  45. Respostas
    1. renan viado da o cu todo dia

      Eliminar
    2. fabricio viado,gay,bobo

      Eliminar
  46. venha prova meu broachiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

    ResponderEliminar
  47. ESSAS MULHERES NÃO PRECISAM MAIS IREM PRO INFERNO, POIS, JÁ VIVEM EM UM INFERNO,

    ResponderEliminar
  48. Cada lugar tem a sua cultura ,sua crença , nem tudo é igual por isso que não podemos julgar pq para nos é a coisa mais absurda do mundo mas la para eles é normal .

    ResponderEliminar
  49. Meu cunhado se converteu ao islamismo e minha irmã foi obrigada á se converter também e a vida dela virou um inferno, pois agora, nem visitar os pais, sem que o esposo dê permissão ela pode!

    não pode mais sair sozinha, não pode mais escolher que roupa usar (tudo ele que escolhe segundo o que ele considera que seja modesto perante os ensinamentos de alláh). Não pode mais manter amizades que não sejam as com outras mulheres muçulmanas que o marido conheça (e só com mulheres muçulmanas, nada de ter amizade com homens, mesmo os muçulmanos, pois segundo o islã, onde houver um homem falando com uma mulher que não seja sua esposa, vai haver o diabo tentando o homem á sentir desejos por essa mulher, o que é considerado pecado), e o que está deixando ela mais desesperada é o fato de que o marido está desenvolvendo interesse em se casar segundo o islã, com uma viúva árabe, mãe de três filhos, e faz pressão para que ela autorize o casamento, assim ele passaria metade do ano com a esposa árabe e metade com a esposa brasileira (e no tempo em que ele ficaria fora, ele designaria um homem de confiança para ser o tutor da esposa tanto lá, quanto cá).

    entre outras coisas que mudaram a vida de minha irmã, que emagreceu quase 10 quilos de puro nervoso, quase não ri mais, quase não sai mais de casa, não pode nem mesmo falar ao telefone com a familia sem dar prestação ao marido, pois ele é o cabeça da mulher e ela, por ser esposa deve tudo á ele!

    Inclusive em caso de separação, ela fica sem os filhos, mesmo que no Brasil, a guarda seja compartilhada, o que vai prevalecer é a lei do islã, que determina que o homem fica com os filhos!

    Até eu, que antes era a melhor amiga do casal, a que ajudava em tudo, dava a maior força para o casal, virei a bruxa má, pois como não sou muçulmana, qualquer palpite que agora eu dê na vida do casal, será visto como uma interferência exterior, contra os costumes sagrados e santificados portanto eu devo ser isolada e tanto que fui isolada, á ponto dele permitir que eu veja minha irmã poucas vezes ao ano e em ocasiões que eles não considerem que sejam ofensivas (nada de feriados santos católicos, festas de aniversário (pois são mundanas), festas de fim de ano (pois não fazem parte do calendário islâmico), nada de feriados patriotas (pois não devem venerar a pátria e sim alláh e os profetas).

    Meus sobrinhos quase não sentiram a mudança, pois na época um tinha 3 anos e o outro 5, mas agora que estão maiores já falam coisas para mim como por exemplo: tia essa roupa que você usa (calça), é roupa de homem e allah não vai olhar no seu rosto, no julgamento final, por que voce usa roupa de homem!

    ResponderEliminar

Mulheres Mulçulmanas